quinta-feira, 26 de abril de 2012

É com muito prazer, que após alguns meses sem voltar aos palcos, apresentarei Monólogo de uma esposa, em Pará de Minas. Estou ansiosa para compartilhar este trabalho, que já me deu tantas alegrias, com meus novos conterrâneos... Será uma reestréia, uma experiência emocionante, após 4 anos em cartaz, poder apresentar a Claudicéia aos meus amigos paraminenses e a todas as pessoas, que hoje fazem parte da minha vida! Dia 05 de maio - 20h - Teatro Fernando Otávio

2 comentários:

Joandre Oliveira Melo disse...

Boa noite!

Infelizmente não assisti ao espetáculo; todavia, conhecendo a autora de outros trabalhos, posso imaginar o quão intenso terá sido.

O universo feminino, eu praticamente desconheço, contudo, imagino a dicotomia como ponto central dos sentimentos femininos. A determinação, no entanto, não fica de lado. Mas, o que eu acho mais interessante é quando a mulher cultiva a doçura, a meiga maneira de abordar a realidade, a sua singular habilidade de seduzir. O ato principal dessa obra -- A mulher -- é quando vemos um ser forte que luta, trabalha, enfrenta obstáculos, sem contudo, à noite perder a sedutora feminilidade. Talvez, seja exigir muito de uma mulher, porém, tais mulheres existem e são as preferidas pelos homens.

Cláudia, gosto muito de suas abordagens teatrais, tive a oportunidade de assistir a alguns de seus trabalhos. Continue brindando-nos com eles.

Cláudiceia disse...

Obrigada, Joandre!!!
Inscreva-se neste canal e receba as postagens da Claudiceia, uma mulher otimista com a vida e que semanalmente vai contar um pouco de suas histórias vividas durante seus 20 anos de casada!! Um abraço!!!